A criação de pontos de encontro para o transporte de torcedores será uma das principais apostas da Transalvador para o esquema de trânsito na Copa do Mundo, que, na Bahia, começa no dia 13 de junho. Quem for assistir aos jogos do Mundial na Arena Fonte Nova vai poder utilizar linhas especiais de ônibus que vão sair dos locais predeterminados, implantados em oito lugares da cidade. 

Os coletivos estarão disponíveis no Aeroporto, nos shoppings Iguatemi, Salvador, Bela Vista e Barra, no Jardim de Alah (próximo à Churrascaria Villas), em Ondina (na rua marginal à Avenida Oceânica, em frente ao Hotel PortoBello) e no Rio Vermelho (na Praça Brigadeiro Faria Rocha, em frente à Companhia da Pizza). Ao todo, serão 147 ônibus à disposição dos torcedores. 

“É um ponto normal, com uma linha especial para a Arena, que só vai funcionar em dias de jogos. A maioria (dos pontos de encontro) estamos criando nos shoppings. As pessoas poderão ir para o shopping e deixar o carro lá”, diz Janivaldo Rosário. Cada shopping terá um espaço reservado para quem for utilizar as linhas especiais.

 

Há vagas


O Shopping Bela Vista, no Cabula, já confirmou mil vagas reservadas para quem for utilizar as linhas especiais. O CORREIO entrou em contato com a assessoria dos outros estabelecimentos comerciais, mas nenhuma delas soube informar  o quantitativo de vagas que será destinado para os pontos de encontro.

No Shopping Barra, além da linha normal, haverá duas vans adaptadas para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, que terão capacidade para quatro cadeirantes por viagem. Segundo Rosário, os outros ônibus também serão adaptados. 

Os pontos de desembarque e retorno serão o Colégio Estadual Severino Vieira, no Vale de Nazaré (sobre o viaduto) e outro na Bonocô (na altura da Codesal). 

 

Concepção


Segundo Janivaldo Rosário, a ideia de substituir os bolsões de estacionamento pelos pontos de encontro surgiu após uma análise do público que é esperado para assistir aos jogos do Mundial. “Durante a Copa das Confederações, o perfil do público espectador era de 80% de Salvador e 20% do pessoal de fora. Na Copa do Mundo se inverte totalmente. Nós temos 80% de espectadores de fora, sendo cerca de 40% de outros estados e 40% de estrangeiros”, revela. 

“Se temos esse perfil de 80% de pessoas de fora, entendemos que esse pessoal não vem de fora com carros ou pouquíssimos irão alugar um carro para transitar. Então, criamos os pontos de encontro”, completa Rosário. 

Os ônibus estarão disponíveis três horas antes das partidas e até duas horas depois dos jogos. “É um atrativo também para o shopping, que vai ter um público maior ali. A pessoa não precisa chegar em cima da hora do jogo, pode chegar antes e já ficar ali e pegar o ônibus”, diz Rosário. Na volta, os torcedores serão levados para os pontos de encontro onde pegaram a condução.

 Cobrança


A estratégia de cobrança dos pontos de encontro ainda não foi definida pela Transalvador. Mas a superintendência já analisa uma forma que o passageiro compre a ida e a volta no mesmo instante, para dar celeridade nos embarques.  “Nós entendemos que a cobrança não deve ocorrer somente no retorno e na forma tradicional causaria um retardo muito grande”, diz Rosário. Os valores do transporte vão ser definidos em breve. 

“Esse controle vai ser antecipado, não vai ser casado como no estacionamento. Dessa vez vai ser acesso normal”, explica o assessor de operações da Transalvador. 

 

Pontos de táxi 


Outra maneira de ir para os jogos na Arena Fonte Nova é por meio de táxis. Na hora de voltar para casa quem optar por usar o táxi vai poder ir para pontos que ficarão disponíveis próximos ao estádio. Serão cinco no entorno da praça esportiva. 

Os pontos serão montados no Vale de Nazaré (próximo à Comercial Ramos), na Bonocô (próximo à estação do metrô), na Vasco da Gama (em frente à Samar Veículos), na parte baixa da Ladeira dos Galés e na Rua da Independência. 

 

Não haverá bloqueio prévio para veículos no Dique


A Copa do Mundo só começa oficialmente no dia 12 de junho, em São Paulo, mas as mudanças no trânsito por causa dos jogos começam já em maio, quando entra em operação o primeiro perímetro de segurança estabelecido pela Fifa. 

Diferente do que aconteceu no ano passado, para a Copa das Confederações, os transtornos devem ser menores para quem precisa passar próximo à Arena Fonte Nova. Apenas a Rua Professora Anfrísia Santiago (rua da antiga Telebahia) deve ficar interditada por mais tempo, para a montagem e desmontagem de estruturas, entre os dias 21 de maio e 11 de julho. 

De acordo com o assessor de planejamento operacional da Transalvador, Janivaldo Rosário, a prefeitura fez um acordo com a Fifa e conseguiu reduzir o perímetro de segurança, sem ser necessário interditar o Dique do Tororó. “Foi feito um acordo com a Fifa e as estruturas vão ficar dentro do estádio. Elas vão ter um novo layout, que vai permitir essa otimização do espaço”, explica o coordenador. Os perímetros vão ser ativados por barreiras fixas (prismas) e barreiras móveis. Serão 45 bloqueios de trânsito. Ao todo, 1.374 prepostos da Transalvador vão participar da operação da Copa do Mundo. 

O segundo perímetro será ativado quatro horas antes do início das partidas, onde haverá interdição da Vasco da Gama (na altura do viaduto Juscelino Kubitschek), na Bonocô (na entrada do Ogunjá), no Vale de Nazaré (no retorno próximo à Comercial Ramos), na Joana Angélica (a partir do Center Lapa, no sentido Nazaré), de Nazaré para a Joana Angélica (na altura da Rua Jogo do Carneiro) e, por fim, na parte baixa da Ladeira dos Galés. “Nesses pontos, só passarão veículos credenciados, veículos oficiais que estiverem a serviço do evento”, diz Rosário. 

Como na Copa das Confederações, será criada uma faixa exclusiva na Bonocô (na altura da Revisa) para que as delegações e seus batedores possam passar, sem congestionamento, também quatro horas antes de cada partida. A interrupção termina uma hora após o término. Além disso, as estações da Lapa e da Barroquinha terão operação especial. No Jardim Bahiano, o trânsito será invertido, para que os moradores possam acessar o bairro no contrafluxo da ladeira da Telebahia. 

As linhas que circulam com destino à Lapa ou Barroquinha terão seu itinerário modificado em função do estabelecimento do perímetro, porque eles não poderão transitar em alguns pontos. A Transalvador informou que, mesmo com as mudanças nos itinerários dos ônibus, não vai ter alteração nos horários das linhas.

 

Site credencia para metrô e quem mora no entorno


O metrô finalmente vai começar a operar, e durante a Copa do Mundo. A operação será assistida e, por isso, será para um grupo previamente estabelecido. Segundo  Janivaldo Rosário, em torno de 2 mil pessoas vão poder usar o meio de transporte. O credenciamento será feito por meio de um site, que deve entrar no ar na primeira quinzena de maio. Mas o credenciamento será apenas para quem vier a Salvador para assistir aos jogos em ônibus fretados. “Nós queremos fechar um grupo. Consegue fechar com mais facilidade. Não tem grupo específico”, explica. 

O controle de acesso ao metrô ainda não foi definido, mas os usuários devem ser identificados, provavelmente, por uma pulseira. O site com o esquema de trânsito e transporte também vai credenciar moradores do entorno que não têm outra alternativa para chegar em casa. Eles vão receber um adesivo para transitar nos locais que estarão bloqueados, como quem mora no Jardim Baiano e não tem alternativa para se deslocar. “Estamos com a estratégia pronta, acertando os detalhes. Os moradores vão receber uma carta em casa para saber como fazer o credenciamento”, diz o assessor. 

A expectativa é de que 2 mil residências do entorno recebam os adesivos. Moradores de outros lugares como Tororó, Ladeira da Independência, Mouraria e Saúde, que têm outras alternativas de trajeto, não vão receber adesivos e devem ser informados pela Transalvador sobre qual rota seguir. 

A primeira partida na Fonte Nova será entre Espanha e Holanda, dia 13 de junho. O estádio ainda  recebe Alemanha x Portugal, no dia 16, Suíça x França, dia 20, e Bósnia e Herzegovina x Irã, dia 25. Há também partidas nas oitavas-de-final, em 1º de julho, entre o vencedor do Grupo H e o segundo do Grupo G, e outra das quartas-de-final, no dia 5 de julho.

 

Fonte: Correio

Compartilhar
Av. Joana Angélica, n.° 399, Ed. Fernando José - Nazaré, tel: 55 71 3202-3602 / 3202-3608