Aproximadamente 2.300 militares da Marinha, Exército e Aeronáutica, estão escalados para reforçar a segurança em Salvador durante a Copa do Mundo 2014. O esquema especial tem como objetivo assegurar os espaços aéreos, marítimos, terrestres e irão trabalhar em órgão locais como a Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Os militardes das Forças Armadas vão atuar em conjunto com representantes da Secretaria de Segurança Pública (SSP), polícias Militar,  Civil, Rodoviária e Federal, além da Guarda Municipal, órgãos de trânsito e Defesa Civil. As entidades também trabalharão, em conjunto, no Centro de Coordenação de Defesa de Área, montado na sede do Comando do 2º Distrito Naval de Salvador, no bairro do Comércio.O trabalho engloba  desde o controle do espaço aéreo e monitoramento terrestre, até patrulhamento contra ameaças químicas, biológicas e nuclear, ações antiterroristas, monitoramento das fronteiras e segurança cibernética. Além disso, serão patrulhadas por navios e embarcações da Marinha, a orla marítima da capital e o interior da Baía de Todos-os-Santos. 

O esquema especial de segurança tem alvo principal as estruturas e áreas diretamente ligadas ao Mundial como o entorno dos estádios, os centros de treinamentos das seleções, as Fan Fests, a rede hoteleira, locais de exibição dos jogos e pontos turísticos em Salvador e no interior do estado.Tropas do Exército ainda formarão uma Força de Contingência, que apesar de não estar nas ruas, estarão em prontidão para atender situações de emergência e crise. Esses militares podem ser acionados pelo governador do Estado e pela Presidência da República para assegurar a ordem pública e o funcionamento de serviços essenciais.

Já os os municípios de Santa Cruz Cabrália, Porto Seguro e Mata de São João, que receberão as delegações da Alemanha, Croácia e Suíça, respectivamente, também terão reforço de tropas federais para garantir a segurança.

 

Fonte: Ibahia

Compartilhar
Av. Joana Angélica, n.° 399, Ed. Fernando José - Nazaré, tel: 55 71 3202-3602 / 3202-3608