O Observatório Racial da Copa do Mundo da Fifa 2014 será anunciado amanhã (5), às 10 horas, na Sociedade Protetora dos Desvalidos, localizada no Centro Histórico, pelos secretários da Reparação, Ailton Ferreira e pelo assessor de Relações Internacionais e gestor do Escritório Municipal da Copa, Leonel Leal. O Programa da Prefeitura de Salvador terá como atribuições o fortalecimento das capacidades da gestão municipal para a implementação de políticas de promoção da igualdade antes, durante e após a realização dos jogos na capital baiana.

 

A iniciativa, semelhante ao Observatório da Discriminação Racial, da Violência contra a Mulher e LGBT, realizado desde 2006 no Carnaval de Salvador, tem o propósito de incentivar o sentimento de igualdade e prevenir conflitos preconceituosos durante a maior competição de futebol do mundo.

 

Por entender que o evento dará grande importância histórica a Salvador enquanto cidade-sede da Copa 2014 e que será uma referência por ser a cidade mais negra fora do continente africano, as organizações do Movimento Negro se reuniram na última quinta-feira (31), no Espaço Cultural Alaíde do Feijão, no Centro Histórico, para discutir ações que garantam vagas para os negros nas diversas áreas de atuação e postos de trabalho.

 

O secretário da Reparação, Ailton Ferreira, defendeu na reunião a formação e o aproveitamento da mão de obra local, principalmente na área de serviços, ressaltando que uma agenda propositiva pode abrir oportunidades com a realização do megaevento esportivo em Salvador. Já o gestor do Ecopa ressaltou a importância da boa convivência entre a população local e os visitantes. “Queremos garantir o respeito de nosso povo para com os estrangeiros e brasileiros de outras partes do país que chegarão aqui, bem como o respeito ao nosso povo, por parte dos turistas. Através do Observatório, será possível incentivar o sentimento de igualdade e prevenir conflitos que tenham origem no mero preconceito”, afirmou Leonel Leal. 

Compartilhar
Av. Joana Angélica, n.° 399, Ed. Fernando José - Nazaré, tel: 55 71 3202-3602 / 3202-3608