A menos de dois meses para o início da Copa das Confederações da FIFA, o troféu de campeão chegou à Espanha na companhia de uma delegação da FIFA, encabeçada pelo diretor de Comunicações e Assuntos Públicos Walter De Gregorio, e outra do anfitrião Brasil, liderada por Ronaldo, membro do Comitê Organizador Local (COL), e pelo secretário-executivo do Ministério do Esporte, Luis Fernandes. Completando a comitiva estava Fuleco, a mascote oficial da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014.

 

Os convidados foram recebidos na sede da Real Federação Espanhola de Futebol pelo presidente e membro do Comitê Executivo da FIFA Ángel María Villar Llona, que se disse muito feliz com a perspectiva de ver a Espanha participar do Festival dos Campeões pela segunda vez na história, ainda mais em um país que tanto contribuiu para o esporte mais popular do planeta. "O Brasil tem a alma de um jogador: sente e ama o futebol", comentou o dirigente. "Por isso, é um prazer para a Espanha ir a um país que vive o futebol na sua totalidade."

 

A Fúria iniciará a sua campanha diante do Uruguai no próximo dia 16 de junho e lutará pelo único título que ainda lhe falta. A competição, que contará ainda com a participação do Brasil, como anfitrião, além de Taiti, Nigéria, México, Japão e Itália, terá a presença de quatro seleções campeãs mundiais.

 

Assim destacou o secretário-executivo do Ministério do Esporte, que também fez questão de ressaltar a acolhida calorosa com que o país receberá os torcedores visitantes e a importância de sediar a Copa das Confederações e a Copa do Mundo da FIFA. "O clima no Brasil é de grande expectativa", afirmou. "A realização desses torneios servirá para impulsionar o desenvolvimento do país e para melhorar o bem-estar da nossa população. Por isso, estamos entusiasmados."

 

 

Recorde de vendas e convite especial       
  
Encarregado de conduzir a apresentação desta nova edição da Copa das Confederações da FIFA em Madri, De Gregorio destacou que o torneio já é um sucesso a 53 dias do início das disputas. Com efeito, foi registrada a venda de 546 mil ingressos, um recorde na história da competição.

 

 

A presença de Ronaldo como embaixador da Copa das Confederações da FIFA no Brasil gerou grandes expectativas na imprensa espanhola, e Villar Llona recordou a bem-sucedida passagem do ex-atacante pelo futebol do país, tanto no Barcelona quanto no Real Madrid. "Ronaldo é um jogador universal, e o futebol espanhol será sempre grato por tudo o que ele fez na nossa liga e nos nossos gramados."

 

O maior artilheiro da história da Copa do Mundo da FIFA, por sua vez, salientou o prestígio deste Festival dos Campeões. "Sempre achei a Copa das Confederações muito importante, mas este ano será ainda mais, porque teremos excelentes seleções, como a Espanha", comentou Ronaldo. No papel de embaixador do COL, o craque brasileiro viverá um dia muito especial no próximo sábado, 27 de abril: o novo Maracanã abrirá as portas para receber um jogo amistoso entre amigos seus e os amigos de Bebeto, igualmente embaixador do Brasil 2013 e 2014.

 

Antes de se despedir de Madri, Ronaldo convidou todos os apaixonados por futebol a viverem de perto as emoções da Copa das Confederações da FIFA. "Vocês estão todos convidados a virem ao Brasil conhecer as nossas cidades. Trabalhamos muito nos últimos anos para que tudo seja perfeito", concluiu.

 

Fonte: FIFA 

Compartilhar
Av. Joana Angélica, n.° 399, Ed. Fernando José - Nazaré, tel: 55 71 3202-3602 / 3202-3608