“É impressionante o que vimos hoje”. Esta foi a frase de Jérôme Valcke, secretário-geral da FIFA, após a visita realizada por ele, o ídolo Ronaldo Fenômeno, como membro do Conselho Administrativo do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo da FIFA™ Brasil 2014 (COL), e o ministro do esporte, Aldo Rebelo, à Arena Fonte Nova, nesta terça-feira, em Salvador. Acompanhada do governador da Bahia, Jaques Wagner, e do prefeito em exercício da capital baiana, Edvaldo Brito, a comitiva pôde conferir de perto o estádio.

Primeiro, por volta das 16h, as autoridades sobrevoaram a Arena a bordo do helicóptero do Governo e, em seguida, visitaram o canteiro de obras, provocando um verdadeiro alvoroço entre os operários, que queriam ver, principalmente o ídolo Ronaldo. Durante a coletiva de imprensa, realizada logo depois da visita, o fenômeno retribuiu o carinho, dizendo que, antes da bola rolar oficialmente nos gramados, durante a Copa do Mundo ou das Confederações, irá realizar um desafio entre um time formado por ele e alguns amigos e outro formado por integrantes da mão de obra dos estádios brasileiros. “Gostaria de parabenizar a todos os operários das obras. Não temos mais o que duvidar para a Copa do Mundo acontecer no Brasil”, disse o craque.

O ministro do esporte, Aldo Rebelo, também parabenizou Salvador pelo trabalho que vem sendo realizado e reiterou que todos os esforços do Governo Federal estão sendo feitos para que a Copa no Brasil seja um sucesso. Rebelo disse, ainda, que a capital da Bahia tem um diferencial para receber o megaevento esportivo, a sua experiência com grandes acontecimentos. “Salvador é habituada e familiarizada com grandes festas. Quantas cidades no mundo realizam um carnaval como o daqui?”, questionou ele, que também afirmou que a Lei Geral da Copa deve ser votada, no máximo, até o mês de março.

Anfitriões da cidade-sede, o governador Jaques Wagner e o prefeito em exercício de Salvador, Edvaldo Brito, ficaram satisfeitos com a reação das demais autoridades que estão à frente do processo de preparação do país para a Copa. O governador disse que pretende entregar boa parte do metrô da Paralela até 2014 e o professor Edvaldo Brito disse que o município vai contribuir para que todos os projetos sejam realizados. "Compareci à solenidade e dei as boas vindas explicando que a ausência do prefeito João Henrique deve-se ao fato de que ele foi cuidar dos meios necessários à efetivação da mobilidade urbana, e que nós estamos em perfeita sintonia com o governo do estado formando um time com o objetivo de fazer o gol. A prefeitura municipal não vai medir esforços para que essa seja a melhor de todas as copas", disse o professor.

O anúncio que pode confirmar o nome de Salvador como sede da Copa das Confederações, em 2013, só será feito no próximo mês de junho, mas, a expectativa dos organizadores locais do evento é boa, uma vez que a obra da Arena Fonte Nova terminará o mês de janeiro com mais de 51% dos trabalhos concluídos. “Pelas declarações que dá, o corpo técnico da FIFA aprova o andamento das obras. Não podemos afirmar, mas estamos otimistas de que realizaremos o grande teste para a Copa do Mundo já em 2013, quem sabe até com um jogo da seleção aqui em Salvador”, concluiu Leonel Leal, gestor do Escritório Municipal da Copa (ECOPA). 

Compartilhar
Av. Joana Angélica, n.° 399, Ed. Fernando José - Nazaré, tel: 55 71 3202-3602 / 3202-3608