O turismo relacionado à Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 vai se intensificar 40 dias antes do apito inicial - mais precisamente quando astros da bola, como o argentino Lionel Messi, que já recebeu quatro vezes a Bola de Ouro da Fifa como melhor jogador do mundo, e ainda o português Cristiano Ronaldo, além do francês Franck Ribéry, desembarcarem no país e se deslocarem para suas cidades de treinamento.

Vespasiano, em Minas Gerais, não é cidade-sede, mas vai estar tão agitada quanto Belo Horizonte. A cidade mineira de apenas 104 mil habitantes, localizada na região metropolitana, é sede do famoso Centro de Treinamento do Clube Atlético-MG e vai servir de base à seleção da Argentina.

A expectativa mobiliza a cidade há dois anos. Os investimentos do governo local em qualificação de mão-de-obra para o comércio e para a hotelaria já surtem efeito no turismo da cidade. Vespasiano está criando a “Casa da Copa”, uma estrutura preparada no centro de eventos da cidade para receber os turistas durante os jogos, que vai abrigar telão, restaurantes temáticos, área de lazer e show.

“O movimento pelos destinos turísticos, especialmente pelas cidades que concentram as seleções, será grande. Elas estão se preparando para receber bem as seleções de todos os países e os turistas domésticos, que devem estar presente em grande número”, afirma o ministro do Turismo, Gastão Vieira.

A cidade de Campinas (SP) vai emprestar o Estádio Moisés Lucarelli, da Associação Atlética Ponte Preta, para a seleção portuguesa de Cristiano Ronaldo, eleito melhor jogador do mundo em 2013. A seleção da Nigéria, que também treinará na cidade, vai se concentrar no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, do Guarani. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Social e Turismo de Campinas, Samuel Rossilho, a cidade está preparada para a “Copa paralela”, que acontece especialmente nas cidades de apoio, que recebem as seleções.

A oportunidade também promove os destinos para mercados fora do país. Rossilho afirma que a cidade já firmou parcerias com Portugal para promover o intercâmbio entre as culturas.  A Orquestra Sinfônica de Campinas, por exemplo, já tem data marcada para se apresentar em Lisboa. O objetivo é aguçar os sentidos dos turistas com a proximidade do evento – e trazer mais visitantes para o País.

 

Fonte: Portal da Copa

Compartilhar
Av. Joana Angélica, n.° 399, Ed. Fernando José - Nazaré, tel: 55 71 3202-3602 / 3202-3608