O Uruguai completou a lista das 32 seleções que vão disputar a Copa do Mundo de 2014 no Brasil. A confirmação veio nesta quarta-feira (20.11), após um empate sem gols diante da Jordânia, em Montevidéu, na partida de volta do confronto de repescagem intercontinental. Os uruguaios venceram o primeiro jogo, em Amã, por 5 x 0, e tiveram muita tranqüilidade para administrar o duelo em casa.

A torcida, no entanto, esperava por outro goleada e chegou a ficar irritada durante a partida. O Uruguai, que jogou com o seu time titular, incluindo Cavani e Suárez no ataque, não conseguiu criar muitas chances diante de uma Jordânia bastante fechada. A melhor oportunidade foi no fim do primeiro tempo, quando Godín mandou a bola no travessão.

No começo da segunda etapa, Diego Forlán entrou em campo no lugar do atacante Stuani. Mas o jogador do Internacional de Porto Alegre não conseguiu mudar o panorama do jogo. Os uruguaios criaram ainda menos chances de gol que no primeiro tempo e a partida terminou mesmo sem alterações no placar.

Com a vaga, o Uruguai também completou a lista de campeões mundiais na Copa de 2014. A Celeste se junta a Brasil, Alemanha, Argentina, Itália, França, Espanha e Inglaterra. Com isso, os oito países que já conquistaram o troféu do maior campeonato de futebol do planeta estarão presentes no Mundial do ano que vem. Os uruguaios são bicampeões: venceram em 1930, quando sediaram a Copa, e também em 1950, ano em que derrotaram o Brasil na final em pleno Maracanã.

Como estão bem posicionados no ranking da FIFA – na edição de outubro de 2013 ocupavam o sexto lugar -, os uruguaios serão cabeça de chave na Copa de 2014. Serão quatro cabeças de chave sul-americanos: Brasil, Argentina, Colômbia e Uruguai. E outros quatro europeus: Alemanha, Suíça, Espanha e Bélgica.

Destaque na Copa do Mundo de 2010, quando alcançou o quarto lugar e teve Diego Forlán eleito como melhor jogador do torneio, o Uruguai tentará repetir a boa campanha em terras brasileiras. Para isso, contará com um ataque de peso: Edinson Cavani, do Paris Saint-Germain, e Luis Suárez, do Liverpool. Diego Forlán, arma importante em 2010, tem sido utilizado durante os jogos.

Além de experientes atacantes, o técnico Oscar Tabárez poderá contar no time com trunfos como o meia Cristian Rodríguez, do Atlético de Madrid, e Diego Lugano, zagueiro bastante conhecido pelos brasileiros por ter atuado no São Paulo e que hoje defende o inglês West Bromwich. 

 

Fonte: Portal da Copa

Compartilhar
Av. Joana Angélica, n.° 399, Ed. Fernando José - Nazaré, tel: 55 71 3202-3602 / 3202-3608